Yom ShaShoah – 01 de maio

Nunca nos esqueceremos de heróis que foram assassinados das formas mais brutais por unidades nazistas.

Nunca vamos parar de falar sobre isso.

Nunca deixaremos de apontar que, infelizmente, ainda hoje há propaganda anti-semita contra os judeus.

Nunca nos esqueceremos daqueles que morreram só porque eram judeus.

Nunca nos esqueceremos dos não-judeus que morreram porque disseram: “não” ao regime nazista.

Nunca nos esqueceremos daqueles que ficaram em silêncio enquanto assistiam a crimes horríveis e não faziam nada.

Nunca nos esqueceremos daqueles que arriscaram a própria vida para resgatar os judeus.

Jamais nos esqueceremos de todas as vítimas inocentes que morreram só porque o regime nazista condenou quem apoiava a justiça.

Nunca nos esqueceremos da tentativa da propaganda nazista de destruir a verdade.

Nunca nos esqueceremos do momento em que os seres humanos se tornaram números.

Nunca nos esqueceremos do momento em que os seres humanos foram condenados à morte apenas por causa da fé.

Nunca nos esqueceremos da Estrela Amarela “Jude”.

Jamais esqueceremos palavras de Anne Frank: “O que é feito não pode ser desfeito, mas pode-se evitar que isso aconteça novamente.”

Nunca nos esqueceremos do momento da história em que os valores humanos foram enterrados e o ódio tomou o poder sobre a verdade.

Levando tudo isso em consideração, nunca nos esqueceremos que Israel é o lar do povo judeu, pátria segura onde eles nunca serão condenados por serem judeus.

Nunca nos esqueceremos dos heróis caídos, soldados da IDF, que defenderam sua pátria até o último suspiro, porque sabiam que jamais esqueceriam por que usavam uniformes de seu país.

Nunca nos esqueceremos que Israel está aqui para ficar e prevalecer

“Para os mortos e os vivos, devemos dar testemunho.”
– Elie Wiesel

Fonte: Jpost